Ela, publicitária

Quando a mensagem de voz de uma cliente vira propaganda

Posted on: 07/06/2011

O cinema Alamo Drafthouse, dos EUA, tem uma política extremamente rígida sobre conversar e enviar SMS durante uma seção.

Rígida MESMO. Eles até chegaram ao ponto de expulsar uma cliente que estava mandando mensagens no meio do filme. A cliente, é claro, ficou possessa e resolveu enviar uma mensagem de voz para a empresa, mostrando o quanto estava discontente. E sabe o que eles fizeram? Transformaram essa mensagem em propaganda.

A Alamo Drafthouse ainda agradece a cliente, quando ela diz que nunca mais vai voltar lá.

Olha só (vídeo em inglês):

Eu AMO ir no cinema. E admito, sem vergonha nenhuma: sou daquelas chatas que manda qualquer um calar a boca se estiver falando durante o filme (filme mesmo, trailer pode). Acho meio ridículo essas pessoas que pagam a entrada (e olha que cinema hoje em dia não tá barato) e ficam conversando durante o filme – ou explicando pro cidadão mais devagar o que tá acontecendo na trama.
Só achei que expulsar a pessoa por enviar SMS um pouco exagerado. Se o celular tá no silencioso, não vejo problema. Mas ok.

Cinemas do meu Brasil, tá na hora de seguir o exemplo :) Uma empresa dessas conseguiria a minha exclusividade, facinho.

(vi aqui).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: