Ela, publicitária

Nokia e o caso “perdi meu amor na balada”

Posted on: 18/07/2012

Ontem, até que enfim, foi revelado o mistério: não, não era amor. Era só um viral da Nokia para divulgar o seu novo modelo Nokia 808 Pure View.

Muita gente (principalmente publicitários) já estava esperando por algo do tipo, o que mudava era a especulação sobre as marcas (tim, Casa 92, etc) que estariam por trás disso.

O viral se resumiu no personagem Daniel Alcântara que conheceu “a mulher da sua vida” (a Fernanda) na balada “Casa 92”, e que começou por essa busca incansável depois de perder o telefone dela.

Com pouco tempo no ar, o vídeo já acumula mais de 850.000 views no Youtube. Ah, não sei se alguém já tentou…mas liguem para o número que aparece no vídeo (5108-4233) para ver o que acontece :)

O erro da Nokia

Apesar desse viral meio forçado, muita gente (muita gente MESMO) acreditou que a história fosse verdadeira. Essa foi a única parte brilhante da ação: conquistar o público que se emociona fácil. Com tudo o que o “Daniel” estava fazendo, a fanpge acumulou, em pouquíssimo tempo, quase 100.000 likes.

Como a Nokia errou? Pra começar, eles subestimaram uma parte do público-alvo: os vídeos “caseiros” do personagem não eram tão caseiros assim, pois tinham uma ótima edição. Ok, até aí, o cara pode saber fazer isso. Depois, vieram os anúncios pagos no Facebook. Não, nada impede um homem apaixonado de comprar anúncios no Facebook para encontrar seu amor perdido. Mas se ele a conheceu em São Paulo, para que katso fazer uma campanha nacional?

O segundo vídeo da ação foi muito mais sem graça que o primeiro (acumulou, até agora, mais de 140.000 views) e, o pior de tudo, começou a deixar muito mais gente desconfiada.

E então, o fim da trama e a divulgação de tudo o que estava por trás do viral resultou em nada mais nada menos do que na revolta de grande parte das pessoas que tinham acreditado e se engajado com a situação. Isso fez com que a fanpage perdesse muitos seguidores e que os comerciais ganhassem diversos unlikes no Youtube.

Como viral, o trablaho da Nokia deu certo: o caso é notícia faz tempo e continua sendo extremamente comentado, principalmente nas redes sociais. Quem antes nem tinha ouvido falar na ação, agora já sabe o que é. Mas isso não é necessariamente algo bom, e garanto que o Daniel não teve um “final feliz”. Afinal, muita gente se irritou com a Nokia e, quem já sabia que era um viral, nem se importou com o resultado.

E será que a marca do celular vai conseguir fixar sua imagem na mente do público-alvo? Eu duvido.

(vi aqui)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: