Ela, publicitária

Archive for the ‘Redes Sociais’ Category

E ainda tem gente por aí dizendo que o Twitter não serve mais pra nada, que ainda tem o perfil, mas que não loga há meses.

E se, em um dia bem quente de verão, você estivesse passando pela rua e se encontrasse com uma vending machine cheia de chá gelado? E se, melhor do que isso, a única coisa que você precisaria fazer para pegar o chá fosse twittar com a hashtag indicada?

Pois é. Essa foi a ideia da BOS Ice Tea, uma empresa da África do Sul. Eles disponibilizaram essa vending machine na Cidade do Cabo. Um software instalado na máquina localiza os tweets com a informação pedida, identifica o nome do usuário e libera a bebida.

CADÊ uma coisa dessas no Brasil?

A Estrela, que está para completar 75 anos, lançou o Banco Imobiliário Geo – uma versão de um de seus mais jogos de tabuleiro mais famosos para smartphones e tablets. Mas essa nem é a parte mais legal: o jogo é integrado com a maior rede social de geolocalização do mundo, o Foursquare.

O Banco Itaú é responsável por patrocinar o Banco Imobiliário Geo – é o banco oficial do jogo. Ou seja, na hora de comprar ou vender seus imóveis, por exemplo, o jogo simula um acesso online ao banco, como se fosse uma transação de verdade. Legal, né?

O jogador começa com 3000 em dinheiro, que é depositado em uma conta fictícia no banco. Todas as compras, alugueis e etc são feitas através do check in no Foursquare (você só pode comprar um imóvel se tiver uma conta lá). Caso este imóvel já tenha dono, você pode fazer uma oferta para comprá-lo, e o dono terá 3 dias para responder. Se ele não responder, o imóvel passa a pertencer a quem fez a maior oferta. Quanto mais check-ins o imóvel ou local receber, mais valorizado ele será.

Lembram da carta “Sorte ou Revés”? É, ela ainda existe. Você pode receber uma delas fazendo check-in nos locais, mesmo que não tenha intenção de comprá-lo.

A única coisa ruim sobre o jogo é que, por enquanto, ele só está disponível para IPhone – mas promete disponibilidade para Android até julho.

A criação do aplicativo é da DM9DDB (nenhuma surpresa aí…a DM9 têm sido responsável por boa parte das ações inovadoras esse ano).

Pare para pensar: aonde você estava 5 anos atrás? Eu estava na metade do Colégio, sem saber o que era Facebook (ou quem era Mark Zuckerberg), twitter, acessar a internet pelo celular. Tinha um MP3 meia boca que só cabiam 12 músicas. Não tínhamos tantos problemas para baixar músicas pela internet – e também não tinha (eu, pelo menos, não conhecia) o Piratebay.

É, as coisas mudaram MUITO em 5 anos. O mundo, as ideias, hábitos e costumes das pessoas e, principalmente, a internet e a tecnologia, que evoluiram (e continuam a evoluir) de uma forma assustadora.

As redes sociais, a Internet e a Internet Mobile facilitou a comunicação entre as pessoas – e entre as pessoas e empresas. Tudo isso fez com que a web se tornasse uma das maiores formas de se fazer negócios e de fidelizar e atrair clientes.

Chega a ser cansativo (e até um pouco desesperador): por mais que você leia, acompanhe e tente se manter atualizado, é tanta coisa nova surgindo todos os dias que é muito fácil ficar para trás.

O documentário “O que mudou nos últimos 5 anos” foi realizado pela HOTWords, e explica as grandes transformações vividas pelo mercado da comunicação nos últimos 5 anos, através de uma retrospectiva e análise dos principais acontecimentos desse meio tempo.

Imagine a situação: você (homem) entra no seu facebook, tranquilo. Vê uma nova solicitação de amizade. Vai ver quem é, sem a menor preocupação. Aí vocês veem que a solicitação é de um filho inesperado.

A marca de preservativos Olla surpreendeu (acho que o mais certo é “assustou”) alguns homens no Facebook, enviando uma solicitação de amizade de um suposto filho inesperado, no começo de Outubro.

Foram criados perfis de bebês com os nomes dos “papais”, acrescentados de “Jr.” no final. Eram 3 fotos: uma criança branca, uma negra e uma oriental, escolhidas de acordo com o perfil do seu “pai”.

Para o susto não ser tão grande assim, a solicitação de amizade vinha junto com a mensagem: “Evite surpresas como essa. Use preservativos Olla”. Quem aceitava o “filho” encontrava um link para o site da marca em seu perfil.

A ação foi uma criação da Age Isobar. Super inteligentes. Isso eu ainda não vi no Facebook (ainda bem), mas no Orkut era muito comum pessoas criarem perfis dos filhos bebês, dos cachorros, gatos…acho que nunca pensaram em utilizar essa “mania” para divulgar algo tão útil :)

Já pensou o susto? hahaha. :)

(vi aqui).

Recentemente foi lançado o The Sims Social, versão do jogo da EA Games para o Facebook. Em pouquíssimo tempo, o The Sims Social se tornou um dos jogos mais utilizados pelos usuários da rede social, ficando junto com jogos como Farmville e Cityville.

Para dar uma cutucada no seu maior concorrente, a EA Games criou um filme de 20 segundos para promover o The Sims Social, de um jeito criativo e ridiculamente simples: mostrando que todo fazendeiro tem seu lado social.

(vi aqui).

“Levou 30 segundos para o terremoto de 23 de agosto ir de Washington DC para Nova Iorque. Tempo suficiente para twittar.”

E foi com esse texto que o Twitter iniciou o que parece ser o seu primeiro comercial. A propaganda mostra o engenheiro de sistemas Danny Hertz sentado em algum lugar de NY, quando recebe um tweet falando sobre o terremoto que acabou de atingir Washington, pouco antes de o mesmo chegar em NY.

O vídeo deu o que falar em NY. Não apenas pelo fato de ser o primeiro comercial do Twitter, mas pelo fato de tratar com um certo descaso o abalo sísmico que assustou tanta gente.

Pra mim, foi um ótimo exemplo de marketing de oportunidade. Eles aproveitaram para mostrar como as informações chegam rápido através da rede social, e como as pessoas podem se atualizar mais facilmente. Convenhamos, o Twitter mudou a maneira de as pessoas se comunicarem.

Agora chega de blá blá blá e vamos ao vídeo. :)

(vi aqui).

A nova campanha online do Bradesco é bem diferente do que nós costumamos ver por aí: o jogo “adivinhe o filme” conta com as mímicas do Marcelo Adnet e 3 opções de filmes. Quanto mais você acertar, mais pontos você ganha.

Além do jogo em sí, a página é bem dinâmica: as pipocas pulam do balde e derrubam os comentários :) A ideia da campanha é divulgar os serviços do cartão de crédito do Bradesco e do American Express Membership Cards junto ao Cinemark, de um jeito bem interativo, engraçado e divertido.

Foi uma ação meio inédita nas campanhas de Bancos, que geralmente são mais voltadas para investimentos, relacionamento especial com clientes e coisas do tipo.

Eu já perdi uns minutos jogando, e me diverti :) Uma ótima ação em conjunto das marcas!

(vi aqui).